domingo, 14 de janeiro de 2007

O ESTAGIO JÁ ACABOU



Também lá estive

Gente que leva as coisas a sério

Pessoal divertindo-se

Ataque/Defesa

Os nossos amigos de Felgueiras

Também de Felgueiras

Dois toques de "Bâton" e sem maquilhagem

Bengaladas femininas

Só estilo!!!!!

Vamos lá tentar o lateral croisé

E tentar defender também.....

De guarda bem fechada

O nosso Presidente

Gaspaaarrrrr!!!!!!!!

Á procura da distância

Didi de integral e sapatos

Com estes dois não se brinca

O estágio acabou há pouca horas. Que poderei eu dizer?

Participaram pouco mais de 30 elementos. Terão faltado alguns? penso que sim. Ficará para outra vez.

Na parte de Savate, houve vontade de todos em trabalhar de forma a apurar ou aprender as técnicas de pés e mãos específicas da modalidade. Desenrolou-se tudo, na minha opinião, num bom ambiente de camaradagem e numa forma divertida de treinar.
Vi com muito prazer "velhos" a dar ao litro. Não foi, Paulo Jorge????
Voltei a ver, quem nos tinha deixado, e que de treinador, atleta profissional e campeão, sem complexos nesta tarde tornou-se aluno (Grande Didi!)

Também vi:
-Nosso Presidente eleito a dar belos pontapés e dedicar-se à bengalada.
-Gente de Felgueiras que, após 400km de viagem, cheios de energia a querer aperfeiçoar-se. Nem a "pequenina" parou!!
-Nosso 3º classificado nos Mundiais "Assaut" a movimentar-se de forma espantosa para quem pertence á categoria de "pesados".
-Muito mais coisas que me alegraram.

Na parte Canne houve uma quebra, e não foram só os paus, foi na continuação do programa. Terão sido demasiadas horas seguidas? Penso que não, os participantes aparentavam todos ter uma optima condição física.
A arte e a manipulação da Canne foi uma novidade para a totalidade dos intervenientes.
Talvez tenha agradado, mas possivelmente com algumas reservas. Penso, e aí foi culpa minha, que deveria ter convocado antigos alunos que já conheciam a modalidade de forma a exemplificar melhor e ajudar no enquadramento da aula. Sejamos optimistas, da próxima será melhor.

4 comentários:

Anónimo disse...

Boas.
Foi um prazer ter estado neste magnifico evento que conseguiu juntar saudavelmente praticantes de várias artes marciais diferentes.
Conhecia o Savate apenas de imagens video e de combates gravados, pelo que considero que esta experiencia foi bastante enriquecedora.
Desloquei-me de muito longe apenas porque tinha curiosidade em ver e aprender Canne, pelo que, a magnifica qualidade que demonstrastte no savate me surpreendeu agradavelmente e fez dar tempo dispendido em tantas horas de viagem muito bem empregues.
Quanto à quebra que sentiste é muito natural, que ao fim de algum tempo (horas) mesmo em treino de baixa intensidade a capacidade de concentração e atenção se esgote, pelo que não atribuo em nada`essa quebra à tua prestação, mas apenas ao numero de horas de treino.
Gostei muito de alguns aspectos que mostraste da canne, pelo que, se de futuro vieres a realizar mais cursos e formação nesta area gostaria imenso de poder participar.
Mais uma vez muito obrigado pela forma amável com que nos recebeste,votos de sucesso é o que te desejo.
Um abraço
Miguel Dias

Lidador disse...

Grande Estágio sem duvida gostei do espírito de todos intervenientes, com especial atenção para o seu Mentor, pela cortesia e pela sua maneira tão positiva de estar nas Artes Marciais, sem duvida uma mais valia para "a" Savate. E para as AM/DC em Portugal. Da minha parte vou começar a treinar mais o pontapé de sapato nas minhas aulas de Defesa Pessoal.
GAT mais uma vez obrigado.
E como a malta do Jogo do Pau/ Esgrima Lusitana diz:
Pauladas Amigas!
Porque gostei muito da Canne, que mostra realmente a origem idêntica das artes de combate medievais Europeias com as armas tipo espada/bastão.
Muito obrigado mesmo, se puderes vir dia 10 de Fevereiro serás mais que bem vindo e algum dia que estejas na minha Zona (Alverca) é só dares um toque...

Anónimo disse...

De facto, o homem e a arte misturam-se bastante, porque tenho em crer que a minha visão deste estágio, do boxe francês (em tua homenagem, e porque sei que preferes esta designação, passarei a usá-la, em vez de savate, que foi a que sempre usei) e de canne, se misturam com a opinião que tenho da tua capacidade, como pessoa e técnico, de transmissão, hospitalidade, e criatividade.
Foi excelente! Não só gostei, como tenciono aprofundar (com a tua ajuda, espero!) e farei como refere o Lidador, incorporando muito do que aprendi neste sábado, nos meus treinos habituais.
As tuas qualidades humanas e técnicas já foram bastante elogiadas, aqui, e por mim pessoalmente, também, pelo que quero apenas salientar uma coisa que me parece importante:
Todos, mesmo todos, os que foram meus parceiros de treino durante este estágio, pessoas do boxe francês de Felgueiras, do boxe francês de Sintra, e todos os outros que, de diversos locais e estilos, praticaram comigo, foram excelentes, em termos de entrega, mas também em termos de "receberem alguem novo na modalidade", de partilhar experiências, de forma saudavelmente suada, mas sem exageros inibidores de progressão que são o excesso de competitividade, ou mesmo uma visão comum em muitos circuitos de "nós e vocês". Nada disso, pelo contrário!
Numa palavra, espectacular!
Contem comigo para tudo o que precisarem, os do boxe francês, e todos os outros presentes nesse dia muito proveitoso e divertido.
Isso mesmo, divertido! Não choca nada com eficácia, empenho, concentração e tudo isso! :-)
No JKDUnlimited usamos uma expressão, "roubada" ao Bruce Lee, que diz: ""You should train seriously, but don't seriously train."
Neste estágio, vi isso mesmo. Senti-me em casa, portanto.
Mais uma vez, obrigado a todos, em especial ao Pedro.
Luis Barneto

Alvaro Terezo disse...

Parabêns pela tua iniciativa. Gostei do teu blog. Evidência a tua paixão pelo desporto que gostas de chamar Boxe Francês e não de Savate. A Federação Portuguesa de Savate precisa, na minha opinião e só na minha opinião pois não faço juizos colectivos, de alguém como tu na componente técnica - pelo menos. Continua.
Um abraço